Great Scott #399: Quem é o adversário do Belenenses na maior enchente de sempre no Restelo?

Great Scott Mais 10/15/2021
Tovar FC

author:

Great Scott #399: Quem é o adversário do Belenenses na maior enchente de sempre no Restelo?

Sporting

O dia amanhece com o corte de relações da Ordem dos Médicos com a ministra da Saúde até que “haja vontade política de Leonor Beleza para iniciar um diálogo construtivo” em vez de insistir “na campanha difamatória, não concretizada mas persistente, contra a classe médica e nos sucessivos atropelos aos interesses sócio-profissionais dos médicos”.

À tarde, casa cheia no Restelo para festejar convenientemente o 67.º aniversário do Belenenses. Nas bancadas, 42 mil espectadores enchem totalmente pela primeira vez o estádio e significam 19 mil contos de receita. É o jogo 1 do totobola. Vale tripla. O Sporting está animado, com o estatuto de líder alicerçado nos quatro golos do mexicano Negrete nos últimos cinco jogos. Se a isso acrescentarmos o 9:0 ao Akranes na Islândia para a Taça UEFA, habemus o leão como rei da selva. No outro lado, um Belenenses inspiradíssimo e cheio de caras novas, como o treinador belga Depireux e os avançados Mladenov (ex-CSKA Sofia) mais Mapuata (ex-Standard Liège). Estes dois fazem a cabeça em água a qualquer defesa, o Sporting que o diga.

Aos 20 minutos, passe errado de Gabriel (substituído dez minutos depois), passe longo de Mladenov para o meio dos centrais sportinguistas e Mapuata assina o quinto golo em cinco jogos e assume a liderança isolada dos melhores marcadores do campeonato. Na baliza sportinguista, Vital. No banco de suplentes, Damas. Como assim? É assim, naquele tempo. Manuel José esquece-se igualmente de Jordão, Mário Jorge e Litos. No caso do guarda-redes, há uma certa amargura no ar devidamente interpretada pelo tom dramático da pergunta feita por Abel de Figueiredo, da Rádio Comercial: “Damas, você está a sofrer intensamente?”

O Belenenses é precisamente o contrário, respira-se saúde no Restelo. E não há nada como o 2:0 de Mladenov para demonstrar inequivocamente esse estado de alma. Canto a favor do Sporting, directamente para as mãos de Jorge Martins. O guarda-redes lança Mapuata e este distribui para Mladenov. O búlgaro dribla dois defesas contrários, tabela com Jaime e atira forte, rente ao poste de Vital. É o 2:0. É a confirmação da supremacia do Belenenses, o novo líder do campeonato.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *