Great Scott #387. Único a jogar a mesma jornada da 1.ª divisão por dois clubes?

Great Scott Mais 09/29/2021
Tovar FC

author:

Great Scott #387. Único a jogar a mesma jornada da 1.ª divisão por dois clubes?

Drulovic 

Honra lhe seja feita, é o primeiro reforço de inverno do futebol português. Em Julho de 1992, no auge da guerra dos Balcãs, o esquerdino aterra em Barcelos via Belgrado para cinco/seis dias de treino sem compromisso, só à experiência. “Era Verão e tempo de experiências. O Gil Vicente quis testar-me e acabei por ganhar cinco campeonatos nacionais pelo Porto’. A transferência dá-se em Dezembro 1993.


Na primeira época pelo Gil, Drulovic marca dez golos em 34. Na segunda, mais sete em 14 até que suscita o interesse do Porto, sem pedalada para o ritmo de Benfica e Sporting. Talvez por isso, o Porto é o único a atirar-se ao mercado. Primeiro é Drulovic, depois Bobby Robson. A receita portista garante-lhe o segundo lugar, à frente do Sporting, apontado como favorito ao título de campeão a quatro jornadas do fim.

Ora bem, Drulovic joga a 11.ª jornada pelo Gil Vicente a 28 Novembro 1993, e até marca (2:1 vs Boavista em Barcelos). E volta a jogar a 11.ª jornada pelo Porto a 5 Janeiro 1994 (U. Madeira 4:1 nas Antas) em jogo de acerto de calendário. Até final da época, assina 11 golos, mais que Kostadinov e Domingos entre Dezembro e Maio.

Mais tarde, viria Jardel com quem Drulovic se entende de olhos fechados à base daqueles cruzamentos com a parte exterior do pé esquerdo, porque joga “muito pouco com o direito”. Depois de Drulovic, chegam mais 200 jogadores no mercado de inverno. Alguns melhores que Drulo com o pé direito, mas nenhum melhor que ele com o esquerdo.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *